top of page
  • Foto do escritorColormix

CONCEITOS E TENDÊNCIAS DA IN-COSMETICS GLOBAL 2023, PARA APLICAÇÃO EM SEUS DESENVOLVIMENTOS


- MICROBIOMA E BARREIRA DA PELE

O microbioma pode ser representado por todo o ecossistema de micro-organismos que carregamos em nosso corpo e isso incluem bactérias, leveduras, fungos e vírus, que atuam na manutenção da saúde, do equilíbrio e da proteção da barreira da pele, o que garante que nenhum agente agressor externo, como bactérias nocivas, produtos agressivos, alérgenos, poluentes, interfiram na função barreira e causem problemas.

Como novidade, trouxemos o Oryzine, um ativo vetorizado no sistema Niosome®. As partículas vetorizadas são ultra-deformáveis e garantem a maior biodisponibilidade dos ativos encapsulados, entre as camadas mais profundas da epiderme. Essa novidade conta com fitoceramidas, obtidas do arroz, que atuam de forma mimética às ceramidas humanadas. Como as ceramidas representam o componente mais importante para manter o reforço de barreira, já que representa mais de 50% do estrato córneo, o que possibilita sua proteção, a restituição do estrato e a hidratação natural da pele.

Outro ativo que pode atuar como coadjuvante no gerenciamento da manutenção da barreira, é o Cosphaderm Zinc Lactate, um ativo que une os benefícios do zinco e do ácido lático, promovendo melhora dos sinais de inflamação, efeito calmante, renovação celular, reposição de fator de hidratação natural biomimético e hidratação. Além disso, possui alto potencial antibacteriano e pode ser auxiliar na conservação de formulação “preservative-free”.

- UPCYCLING

O upcycling é uma tendência crescente e inovadora na cosmetologia moderna. Seu termo refere-se ao processo de transformar resíduos ou subprodutos em novos materiais de maior valor, em vez de descartá-los, dessa forma, matérias-primas cosméticas podem ser obtidas através do processamento de subprodutos ou resíduos, provenientes de outras indústrias, o que exalta a sustentabilidade.

Em nosso portfólio, você encontrará os esfoliantes físicos naturais e certificados, obtidos a partir do reaproveitamento de sementes de bioativos da flora africana de Baobá e de Kalahari. Estão disponíveis em dois tamanhos de dispersão de partículas e sua indicação de uso, varia de acordo com a sua aplicação. Possuem testes de eficácia no potencial abrasivo, na agressão à barreira e na formação de eritemas.



- ATIVOS FERMENTADOS

Uma das novas abordagens de tratamento para barreira comprometida e gerenciamento de sinais de inflamação, é a partir do uso de ativos de fermentação, que ajudam a modular o microbioma natural do corpo, conhecidos como prebióticos, probióticos e pós-bióticos.

Os prebióticos correspondem aos compostos seletivos, geralmente oligossacarídeos, que estimulam o crescimento de bactérias boas. Já o probiótico é o micro-organismo em si e serve para reposição local da flora, porém seu uso envolve desafios técnicos de produção e armazenamento. O último produto são os agentes pós-bióticos, ou seja, produtos de fermentação e metabólitos resultantes do processo.

A solução da Colormix Especialidades para cumprir essa tendência, é o Bifida Ferment Filtrate. Esse ativo é um pós-biótico, gerado como produto da fermentação da corrente bifidum, que gerou metabólitos como vitaminas do grupo B, ácidos orgânicos e aminoácidos, que atuam na modulação do microbioma da pele e do couro cabeludo. Outro ponto interessante, destacado pela Mintel, durante a In Cosmetics Global 2023, foi a tendência do surgimento dos claims de vitaminas e produtos fortificantes para skincare, como é o caso do benefício que o ativo o Bifida Ferment Filtrate, promove em um cosmético.


66 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page